• Written By
    Felipe Bernardes
  • Last Updated
    06 de Setembro de 2021

Cursos de programação: os melhores em 2021

No mundo atual, o mercado está totalmente aberto para profissões ligadas à tecnologia, e a programação é definitivamente uma das mais promissoras.

Aprender a programar é um diferencial devido à alta demanda do mercado de trabalho, por isso é importante entender mais sobre o mundo da programação e fazer a melhor escolha na hora de estudar.

Hoje é possível aprender programação por meio de cursos de programação online, neste artigo selecionamos informações importantes para te ajudar a encontrar a área ideal para você e selecionar o melhor curso de programação.

Veja o que você vai ler neste artigo:

Front-end vs Back-end : O que você precisa saber antes de escolher cursos de programação

Antes de você escolher qual curso de programação irá fazer é importante entender um pouco sobre as suas opções.

Basicamente, existem dois tipos de programadores: os Frontend e os Backend, cada um realiza diferentes funções dentro da programação. As características e informações do trabalho são distintas, e definir qual das especialidades você vai seguir é essencial na hora de escolher o seu curso de programação.

Front-end

O profissional especializado em Front-end é responsável pela área visual de um site, toda a parte interativa que o usuário experimenta é fruto do trabalho do front-end.

O front-end, através de linguagens da programação e frameworks, cria interfaces gráficas com as quais o usuário do site irá interagir.

Algumas pessoas podem confundir o trabalho do desenvolvedor front-end com o trabalho dos designers, porém, os programadores front-end são responsáveis por dar vida ao site e tornar funcional as telas criadas pelos designers.

Ou seja, enquanto os designers utilizam ferramentas visuais como, por exemplo, o Photoshop, para criar a aparência do site, os front-end utilizam linguagem de programação para tornar aquilo funcional: fazer com que botões sejam clicáveis, ou adaptar páginas para serem acessadas por dispositivos diferentes.

Back-end

O trabalho do programador back-end, ao contrário do front-end, está por trás da interface gráfica e que possibilita o seu funcionamento. Pode parecer complicado e abstrato, mas todos os dias você utiliza o seu trabalho.

Por exemplo, quando você usa um perfil na rede social, os seus dados, suas postagens, lista de seguidores etc, precisam ficar armazenados em algum lugar, e esse banco de dados é gerido pelo back-end e possibilitam às aplicações se comportarem de forma dinâmica.

Quando o usuário clica em um botão da página, por exemplo, o back-end envia os dados que o usuário deseja acessar.

O back-end funciona como a ponte entre um banco de dados e tudo o que foi solicitado pelo usuário. É também o back-end que fica responsável pela segurança desses dados, devendo sempre seguir as melhores práticas, alinhadas a um padrão de segurança que seja confiável e resistente a invasões, principalmente referente a roubos de informações pessoais.

Linguagens de programação: o que eu preciso saber para escolher cursos de programação?

Agora que você já sabe as diferenças entre front-end e back-end é hora de entender o que é linguagem de programação e quais as linguagens que cada um deles usa, isso é fundamental para decidir quais cursos de programação fazer.

As linguagens de programação são códigos padronizados que permitem ao programador desenvolver programas, scripts e outras séries de instruções a serem executadas pelos computadores.

Embora muitas linguagens sejam semelhantes, cada uma tem sua própria sintaxe. Depois que um programador aprende as regras, sintaxe e estrutura da linguagem, ele escreve o código-fonte em um editor de texto. Esse código-fonte consiste em um conjunto de palavras e comandos escritos de maneira lógica, ordenados com instruções específicas em determinada linguagem de programação.

Existem diversas linguagens e cada uma é usada para um tipo de trabalho diferente, por isso o programador deve conhecer bem os tipos de linguagem usadas na atividade que ele vai desenvolver.

As principais linguagens utilizadas por programadores no mercado de hoje são:

  • Python
  • JavaScript
  • PHP
  • Ruby
  • Java
  • Swift
  • Kotlin

Como escolher uma linguagem de programação

Com tantas opções é preciso definir qual linguagem de programação aprender, para isso você deverá levar algumas coisas em consideração:

  • Qual segmento do mercado você deseja seguir?
  • Qual linguagem traz mais oportunidades?

Como já falamos anteriormente, existem diferentes tarefas dentro da programação e para cada uma delas podem ser utilizadas linguagens distintas, primeiro você precisa decidir qual segmento te interessa mais.

Se a sua intenção é programar e desenvolver para web, as linguagens mais utilizadas são a PHP, JavaScript, Ruby e Java, agora se a sua intenção é desenvolver aplicativos para dispositivos móveis, as melhores opções são JavaScript Java, Kotlin e Swift.

Se você pretende escolher o segmento a partir das oportunidades trazidas pelo mercado, o ideal é fazer uma pesquisa a respeito de vagas e analisar quais mais interessam ou mesmo qual a necessidade apresentada pelo mercado na localidade em que você pretende atuar.

Quais são os melhores cursos de Programação?

Para ajudar na sua escolha, trouxemos uma lista com os melhores cursos de programação em 2021.

Aproveite para entender um pouco mais sobre as linguagens de programação, veja o que cada curso oferece, analise o investimento e dê o primeiro passo para a sua carreira de desenvolvedor.

JavaScript

A linguagem JavaScript é uma das linguagens mais populares utilizadas na programação. É uma linguagem de programação baseada em texto usada tanto no lado do cliente quanto no lado do servidor que permite tornar as páginas da web interativas.

O programador que utiliza o JavaScript se torna versátil, pois além de ser usado em aplicativos baseados na web e navegadores, o JavaScript também é usado em softwares, servidores e controles de hardware integrados. Essa linguagem também permite executar itens de alto nível de complexidade em páginas da web como, por exemplo, animações, mapas, gráficos ou informações que se atualizam em intervalos de tempo padrão.

Curso: Web Moderno Completo com JavaScript 2021 + Projetos

No curso você vai aprender os 3 principais frameworks do mercado: Angular, React e VUE. O conteúdo é dividido em 600 aulas separadas em 33 capítulos, e inclui os fundamentos e vários exercícios.

Os projetos apresentados com as principais tecnologias da atualidade e com aplicação na vida real ensinam a desenvolver na web desde o nível básico até o avançado.

Instrutor: Leonardo Moura Leitao - Arquiteto de Software

Há quinze anos atua na área como desenvolvedor de softwares e trabalhou na DATAPREV como arquiteto, desenvolvendo sistemas para o INSS. Professor de desenvolvimento de software há mais de doze anos, criou a Cod3r Ensino que já treinou mais de 150.000 alunos.

O curso inclui:

  • 96,5 horas de vídeo sob demanda
  • 33 artigos
  • 14 recursos para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor de investimento: R$ 27,90

Python

Essa é uma linguagem de programação considerada fácil de aprender, e é muito usada em diversas áreas.

Python pode ser utilizado para construir aplicativos, criar sites, desenvolver programas, criar jogos, fazer análise de dados, inteligência artificial, entre outras atividades.

Sites como Instagram, Google, Spotify, Netflix e Uber utilizam a linguagem Python em seu desenvolvimento.

Para aprender a linguagem é possível realizar cursos de Python ou Bootcamps. Abaixo segue o curso mais popular do assunto:

Curso: Curso de Python 3 do Básico Ao Avançado (com projetos reais

O propósito desse curso é começar do zero ensinando desde a instalação do Python 3 até as partes bem mais avançadas da linguagem, como módulos de terceiros, bases de dados (MySQL, SQLite, etc...), web scraping, padrões de projeto GoF (Design Patterns), expressões regulares (RegEx) e muito mais. Alguns dos módulos já são consagrados no mercado, como Django, PyQT5, Selenium e vários outros.

Instrutor: Luiz Otávio Miranda - Desenvolvedor de Software

Trabalha há mais de 12 anos com desenvolvimento de softwares para terceiros usando várias linguagens, libs e frameworks diferentes.

Especializado em desenvolvimento web voltado para e-commerces, atua tanto em front-end quanto back-end.

Este curso inclui:

  • 110,5 horas de vídeo sob demanda
  • 21 artigos
  • 75 recursos para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor do investimento: R$ 34,90

Java

A linguagem Java é considerada uma linguagem sólida e segura. Muito conhecida pela sua funcionalidade, é uma linguagem relativamente simples, mas muito potente.

Com Java é possível desenhar softwares para serem executados e distribuídos em diferentes plataformas (Windows, Linux, MAC, etc.), tudo isso sem a necessidade de nenhuma modificação.

Curso: Java COMPLETO Programação Orientada a Objetos +Projetos

O curso oferece videoaulas teóricas e muitos exercícios práticos com correção para facilitar o aprendizado.

O conteúdo do curso é voltado para iniciantes e pretende levar o aluno do nível iniciante ao avançado até o final do curso. Inclui as principais ferramentas e frameworks para se trabalhar com Java profissionalmente no mercado.

Instrutor: Nelio Alves - Professor

Graduado em Ciência da Computação, possui mestrado e doutorado em Engenharia de Software pela Universidade Federal de Uberlândia.

Este curso inclui:

  • 50 horas de vídeo sob demanda
  • 36 artigos
  • 49 recursos para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor de investimento: R$ 34,90

Ruby

Ruby é uma linguagem nova quando comparada às anteriores, foi criada em 1995 sendo considerada uma linguagem limpa, direta e toda orientada a objetos.

É suportada em diversos tipos de sistemas operacionais como o Linux, Windows, Solares, etc.

Curso: Iniciando com Ruby e Orientação a Objetos

O curso apresenta aulas teóricas e práticas e vai ensinar ao aluno trabalhar com a linguagem Ruby, Aplicar Programação Orientada a Objetos no Ruby e apresentar os conceitos de Programação Orientada a Objetos.

O curso foi dividido em 3 módulos para facilitar o aprendizado, ao final o aluno vai conhecer as bases do Ruby e da Orientação a Objetos aplicados à linguagem.

Instrutor: Jackson Pires - Engenheiro de Software

Especialista em Engenharia de Software com Ênfase em Software Livre. Jackson Pires, foi professor acadêmico de 2009 até 2016 e atua como instrutor de cursos EAD na área de desenvolvimento de software, já treinou mais de 20.000 pessoas

Este curso inclui:

  • 6,5 horas de vídeo sob demanda
  • 57 recursos para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor de investimento: R$ 34,90

PHP

A PHP é uma linguagem muito versátil e de uso geral. É adequada, principalmente, para o desenvolvimento web.

Com a PHP é possível escrever pequenos scripts de forma procedural, utilizar a orientação a objetos ou fazer as duas coisas ao mesmo tempo.

Por ser uma linguagem simples e muito fácil de se dominar, é ideal para quem está iniciando no mundo da programação.

Curso: Curso Completo de PHP 7

O curso traz as principais diferenças entre as versões anteriores de PHP e a atual, e aborda conceitos como o MVC, ORM e orientação à objetos.

A proposta do curso é levar alunos iniciantes que nunca tiveram contato com a linguagem a programar do básico ao avançado através de aulas teóricas e exercícios práticos com projetos reais.

Instrutores:

  • Glaucio Daniel Souza Santos
    Instrutor de TI, Administrador de Banco de Dados SQL Server e MySQL, Web Developer focado em HTML5, JavaScript(ES6), PHP.
  • João Rangel
    Certificado MCP no exame 70-480 - Programming in HTML5 with JavaScript and CSS3, desenvolvedor web desde 2005 com ênfase em JavaScript e PHP. Tem vasta experiência em bibliotecas javascript como jQuery, Bootstrap, jQuery UI, jQuery Mobile, ExtJS, Backbone.
  • Djalma Sindeaux
    Especialista em 3D, edição de vídeo e animação, projetista e cenógrafo. Atua a mais 15 anos em construção e projetos de eventos, atuando nas diversas nuances do projeto, construção civil, elétrica, hidráulica.

Este curso inclui:

  • 33,5 horas de vídeo sob demanda
  • 3 artigos
  • 154 recursos para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor de investimento: R$ 34,90

Swift

A Swift é uma linguagem desenvolvida pela Apple. É considerada uma linguagem muito intuitiva e consistente, e foi criada para ser utilizada no desenvolvimento de aplicativos para iOS, Mac, Apple TV e Apple Watch.

A linguagem incentiva o processo criativo, possibilitando que programadores iniciantes avancem no mercado da programação.

Curso: Curso Completo Desenvolvimento iOS 11 Swift

O curso vai apresentar assuntos e tópicos que irão desde a introdução à orientação a objetos até temas mais avançados como manipulação de imagens e reconhecimento de objetos.

No decorrer das aulas, o aluno irá aprender como programar para iPhones e iPads utilizando as tecnologias mais recentes disponíveis pela Apple, e serão criados 20 aplicativos reais e funcionais com passo a passo para consolidar o aprendizado.

Instrutor: Eric Alves Brito

Senior iOS Developer e Professor Universitário.

Este curso inclui:

  • 49,5 horas de vídeo sob demanda
  • 22 recursos para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor do investimento: R$ 34,90

Kotlin

A linguagem Kotlin é muito utilizada na criação de aplicativos do sistema Android. Possui um extenso conjunto de ferramentas e IDEs de fácil utilização, é uma linguagem muito segura e por isso é bastante usada para o desenvolvimento web, mobile e desktop.

Curso: Desenvolvimento de Aplicativos Android usando Kotlin

O curso traz a aplicação de todos os conceitos na criação de aplicativos para qualquer plataforma : JVM, Android, Web, Nativa.

Esse curso começa com fundamentos iniciais básicos da linguagem, configuração e conceitos, como executar kotlin, como ele funciona na jvm, declaração variáveis, funções, controle de fluxo e chega ao nível avançado apresentando orientação a objetos, classes e objetos, herança, classes abstratas, interfaces, coleções.

A proposta do curso é levar sólidos conhecimentos de Kotlin aos alunos de todos os níveis, principalmente através de conhecimentos práticos, por isso todos os conceitos da linguagem são demonstrados com exemplos e o curso conta com repositórios contendo todos os códigos desenvolvidos.

Instrutor: Gabriel Ferrari

Graduado em Sistemas de Informação pela UNESP, possui especialização em Engenharia de Software pela UNICAMP, conta ainda com 11 anos de experiência na área de tecnologia.

Este curso inclui:

  • 28 horas de vídeo sob demanda
  • 1 recurso para download
  • Acesso total vitalício
  • Acesso no dispositivo móvel e na TV
  • Certificado de conclusão

Valor Investimento: R$ 34,90

O que devo saber para aprender programação?

Essa é uma dúvida muito comum entre os iniciantes no mundo da programação, mas saiba que o mercado é acessível desde que você esteja disposto a estudar.

A programação envolve muitas áreas de estudo e atuação, e cada uma delas pode exigir um conhecimento específico por parte do programador, porém, existem alguns pré-requisitos básicos que o programador precisa dominar para iniciar em qualquer área.

A matemática é essencial para todos aqueles que desejam se tornar programadores. O domínio de raciocínio lógico e em alguns casos conhecimento de algoritmos é a base para se dominar as linguagens de programação.

Além da matemática, é vital para os programadores saber ler documentações e ter uma noção de padrões de projetos, conhecidos como design patterns, principalmente para programadores com foco em desenvolvimento de sistemas.

O inglês também é muito importante na área de programação, pois a maioria das documentações é escrita nessa língua, por isso é importante conhecer pelo menos o básico do idioma para compreender os conceitos técnicos citados nos textos.

Não se preocupe, pode parecer assustador, mas nenhum desses pré-requisitos precisa ser conhecido a fundo, o ideal é que se tenha uma noção de cada um deles para iniciar com o aprendizado de linguagens de programação e com o tempo ir aprofundando os conhecimentos considerando a àrea que você escolheu para se especializar.

O que faz um programador?

O programador é o profissional responsável por criar, desenvolver e manter em funcionamento diferentes tipos de softwares e aplicativos para o uso em dispositivos móveis e desktop.

Através das linguagens de programação, ele cria comandos em programas para disponibilizar novas funcionalidades.

Tudo que vemos no mundo da web tem por trás um programador (ou vários) empenhado em montar o designer, funções, aperfeiçoar websites, criar aplicativos, etc.

Além disso, os programadores também são responsáveis pela coleta e armazenamento de dados, pela proteção dos dados coletados, entre outras inúmeras funções.

Por ser uma atividade muito versátil, ela está presente em praticamente todos os segmentos de empresas, o que abre um leque de oportunidades no mercado de trabalho.

Preciso de diploma universitário para me tornar um programador?

A resposta para essa pergunta é não. Na verdade, não existe uma graduação específica para aprender a programar, alguns profissionais atuam no ramo após se graduar em cursos como tecnologia da informação ou ciências da computação, mas esses cursos não são pré-requisitos para se tornar um programador.

Então, o que é preciso para se tornar um programador apto a ingressar no mercado de trabalho? Simples: escolher uma área de programação e dominar a linguagem utilizada nessa área.

Ao definir a sua área, aprenda a linguagem utilizada nela e pratique bastante, é essencial aos programadores estarem familiarizados com projetos reais. É possível se tornar um programador fazendo cursos online ou participando de bootcamps. A área de programação exige dedicação e constante atualização, afinal, a tecnologia não pára de evoluir.

Vagas para programador: como é o mercado de trabalho na área?

O mercado de trabalho na área de programação está mais aquecido do que nunca. De acordo com a UOL economia, no ano de 2020 houve um aumento considerável na abertura de vagas na área de TI.

Além de ser uma área necessária em praticamente todos os ambientes corporativos, com a pandemia e o crescimento do trabalho remoto e o uso de aplicativos para as mais diversas atividades, a programação tornou-se mais necessária do que nunca.

Outra novidade recente é a Lei Geral de Proteção de Dados que trouxe um olhar diferente para o armazenamento de dados pelas empresas de todos os ramos, apresentando restrições à divulgação não autorizada de dados e responsabilização das empresas, isso traz o aumento da demanda de vagas para programadores.

Salário médio de um programador

Uma pesquisa da empresa Catho indica que o salário médio de um programador é de R $2.461,00.

A remuneração dependerá de diversos fatores como, por exemplo, a área de programação, a região de trabalho e o tamanho da empresa que oferece a vaga, além é claro, da experiência do programador.

Segundo a GeekHunter a média salarial analisada a partir da área de atuação do programador varia da seguinte forma:

  • Programador Kotlin: R$ 9.500
  • Programador Swift: R$ 9.400
  • Programador Java: R$ 7.400
  • Programador Python: R$ 7.100
  • Programador JavaScript: R$ 5.400
  • Programador Ruby: R$ 4.700
  • Programador PHP: R$ 3.700

Conclusão

Agora você já conhece um pouco mais sobre a área de programação, que tal fazer parte do mundo da tecnologia?

Neste artigo selecionamos os cursos das principais áreas da programação para que você tenha acesso a opção que mais atenda a seu perfil.

Com os cursos de programação apresentados, você estará apto para ingressar no mercado de trabalho e iniciar uma nova carreira bastante promissora.

Felipe Bernardes

I am an economist responsible for Marketing and SEO strategies at Classpert. I usually write about entrepreneurship, e-learning platforms, marketing, SEO, stock trading, and related subjects.